Comments (6)

  1. Gardagis

    Reply
    Malvada Malvada, covarde Perversa, fingida Mataste, a ultima esperança Que restava na minha vida Dei-lhe tudo tudo quanto eu tinha Dei a sua vida a propria vida Mas a sua alma é tão mesquinha Que mevfez no peito uma ferida.
  2. Yojind

    Reply
    Pena maior é ver que “Pois é” estará no segundo volume, não em sua versão original, a emblemática de , a que mudou a história, mas num daqueles pot-pourris que Ataulfo Alves volta e.
  3. Gajas

    Reply
    NO TEMPO DOS BONS TEMPOS - 12 - EM TEMPO DE MACUMBA - Heitor dos Prazeres, João da Baiana, Jorge Fernandes e Ataulfo Alves: LP.
  4. Daidal

    Reply
    Ataulfo Alves de Sousa (Miraí, 2 de maio de – Rio de Janeiro, 20 de abril de ) [1] foi um compositor e cantor de samba brasileiro, um dos sete filhos de um violeiro, acordeonista e repentista da Zona da Mata chamado "Capitão" Severino.
  5. Yozshujind

    Reply
    Ouça músicas de Ataulfo Alves como 'Meus Tempos de Criança', 'Ai que Saudades da Amélia', 'Na Cadência do Samba', 'Você Passa Eu Acho Graça', 'Falem Mal Mas Falem de Mim', 'Pois é' .
  6. Fezahn

    Reply
    faixas: 1. pot-purri- polÊmica pois É - (ataulfo alves) a morena sou eu - (mirabeau/milton de oliveira) sai do meu caminho - (ataulfo alves) conte o caso direito – (valdemir / nilton carudo) duro com duro – (ataulfo alves) o vento que venta lÁ – (ataulfo alves) – na ginga do samba – (ataul.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *